publicidade

notícias

01.11.2017 - 19:10   por Por Raul Rodrigues

Audiência Pública sobre comercialização da carne em Penedo termina quase como começou.

Pelo menos a FRIMATO vai acabar

Uma Audiência Pública presidida pelo representante do Ministério Público Estadual, Promotor de Justiça, Dr. Kleber Valadares, secretaria de agricultura de Penedo, secretaria de saúde do município, assistida e com participação dos senhores vereadores, que contou com a presença do deputado estadual João Beltrão, representantes de órgãos – ADEAL, Vigilância Sanitária Estadual – representante dos marchantes e afins, e da sociedade civil organizada, que começou por volta das dez horas da manhã da terça-feira, dia 31, e terminou no final da tarde do mesmo dia, culminou com quase resolvido se comparado ao tempo gasto com discussões e buscas de soluções. O que fora dito por um representante da vigilância sanitária de Penedo, terminou por ser adiado.

Era expectativa da Audiência Pública se determinar que toda a carne comercializada em Penedo passasse a ser abatida em frigorifico com SIE – Selo de Inspeção Estadual – sendo o mais próximo em Arapiraca. E assim ficou decidido, mas não como nos fora informado a partir desta quarta-feira, dia 1º de novembro. Compreende-se: tempo demandado para que se ajustem os contratos entre os fornecedores de carne, marchantes e donos de açougues com o frigorifico de Arapiraca. Foi dado um prazo de dez dias para o efetivo início do abate.

Mais um prazo de cento e vinte dias para que a prefeitura de Penedo reforme e deixe condições razoáveis, o mercado da carne, o prédio da antiga Antártica na feira livre de Penedo.

E o grande gargalo das decisões, a quem caberá o ônus do transporte dos animais a serem abatidos em Arapiraca e o mesmo transporte de volta para Penedo em caminhão frigorifico. Se custeado pela municipalidade, ou se pelos comerciantes da carne que certamente irão repassar tais custos para o consumidor final, a população.

Como em Penedo, a sociedade não passa de conivente, omissa ou solidária, seja qual for a decisão, o problema está parcialmente resolvido.


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: audiência pública sobre comercialização da carne em penedo termina quase como começou.

comentários

deixe seu comentário

publicidade

facebook

@correiodopovoal

Correio do Povo Alagoas © 2012. Todos os direitos reservados