Programa de compensação

Mais da metade das casas em área de risco já receberam visitas da Braskem

Objetivo das visitas é definir moradores aptos a participarem de programa de compensação

14/12/2019 por Luan Oliveira

Mais da metade dos moradores dos bairros afetados pelos afundamentos decorrentes da extração de sal-gema já receberam visitas de técnicos sociais. Até quinta-feira (12) já haviam acontecido 273 visitas com o objetivo de mapear os imóveis e realizar levantamentos sobre os moradores. As ações vão até sábado (14).

O levantamento ocorre em duas visitas: na primeira o técnico identifica a casa para se assegurar que ela se encontra em área de risco e que deve ser desocupada, ou seja, validar que a família tem direito ao Programa de Compensação Financeira e Apoio à Realocação; uma última visita então é feita para que o técnico realize um censo.

A intenção é que todos os endereços estejam mapeados e catalogados até a abertura da Central do Morador no dia 18 de dezembro. No local, os moradores poderão tratar de concluir o pedido da compensação, assim como receber apoio para o processo.

O agendamento poderá ser feito a partir do dia 17 de dezembro, pelo telefone 0800 006 3029, das 9h às 18h, de segunda a sexta-feira ou presencialmente, no Posto de Atendimento e Informação na Rua Coronel Aurélio Mousinho, no bairro do Pinheiro, de segunda a quinta das 9h às 18h e sexta das 9h às 13h.

Mais informações sobre documentação e passo a passo do processo podem ser obtidas no site da Braskem.


Fonte: GazetaWeb

Tags: mais da metade das casas em área de risco já receberam visitas da braskem